“Honduras”

Trabalhamos nas Honduras para fortalecer o sistema de saúde público especialmente em situações de emergência de desastres naturais. O nosso trabalho é nos departamentos de Choluteca, Valle e Yoro que contribuem para o exercício do direito à saúde de populações em perigo. Desenvolver o fortalecimento institucional do sistema de saúde (particularmente no reforço do sistema de vigilância) para promover a abordagem multissectorial para a saúde pública e para promover os direitos sexuais e reprodutivos em populações vulneráveis. Também realizamos acções para mitigar o impacto da pobreza crónica na população especialmente as restrições que afectam as populações mais vulneráveis em termos de acesso a serviços de saúde de qualidade. O nosso trabalho também se baseia em reforçar as capacidades humanas e materiais das autoridades locais (Departamental de Saúde) e da sociedade civil. Já existe alguma melhoria no acesso aos serviços de saúde materna devido ao trabalho de consciencialização da equipa médica sobre o direito à saúde e direitos reprodutivos, incorporação em lidar com a violência de género e o direito à saúde de pessoas com capacidade decisiva. O factor mais preocupante é a violência:As Honduras atingiu um recorde de 82 homicídios por 100 mil habitantes.

Linhas orientadoras:
Reabilitação e apetrechamento de uma Clínica Criança no Aramecina Township, um edifício de maternidade na cidade de San Lorenzo e equipamento para duas Unidades de Saúde para aconselhamento e treinamento de adolescentes (Vale Choluteca).
Formação de profissionais de saúde sobre género, direitos humanos, direito à saúde, direitos sexuais e reprodutivos no aconselhamento e para o HIV/SIDA, prevenção da transmissão do HIV de mãe para filha/filho e protocolos de tratamento para a violência sexual e violência doméstica. formação para parteiras e integração das mesmas em clínicas de saúde materna e infantil.
Promover a estratégia de educação pelos pares para a prevenção de DSTs, incluindo o HIV/SIDA, gravidez na adolescência, mortalidade materna e violência.